4.6 Happy Birthday Fucker – Patton e seus 40 e poucos anos

Mike Patton completa 46 anos

Desculpem o atraso na atualização da página. Você pode seguir as novidades ao dia seguindo-nos pela Fanpage com as postagens Especiais dos 46º aniversário de Mike Patton por Carolina Veronez.

patton youngDe mocinho tímido à maluco, Patton conserva referências que não se perderam em seus aproximados 30 anos de carreira musical. Mike Patton, já participou de dezenas de projetos alheios, em parcerias e ainda conta com os seus próprios projetos desde o Mr Bungle até os últimos projetos lançados tais como: Tomahawk e Mondo Cane. Já foi ator, compõe trilhas para jogos, film score, faz dublagens, compõe e ainda é empresário.  Patton oscila entre uma timidez de adolescente e o sarcasmo de um sábio ancião.  Quando seus primeiros anos como frontman do Faith no More, curtia uma Coca-Cola, jeito desengonçado e o atrevimento em jogar piadinhas à primeira dama da época, Rosanne Collor e atacar contra a reputação de Xuxa em seus shows e entrevistas. A Rainha dos Baixinhos e Altinhos ,musa global que monopolizava o mercado de tranqueiras da época. Desde uma sandália de plástico infantil até anéis de chiclete. Acho que é bem o perfil de postura que Mike Patton detesta.

Mike Patton fez e ainda faz muitos fãs felizes, mas dosou o sucesso explosivo até uma certa medida, decaindo quase que propositalmente com a qualidade de seus álbuns junto ao Faith no More. Ele não perdeu o talento, não subiu em um palco sequer para um show que decepcionasse, mas simplesmente mudou e a crítica musical não deixou passar e assim em 1997 após o disco “Álbum of the Year”, Patton seguiu por outras diretrizes, assim como os demais membros. Mas seguiu fazendo o mesmo, música. Quem sabe dessa vez um pouco mais para si próprio.

Continuar lendo

Anúncios

Zorntag – Moers Festival – 2013

Moers Festival  – Zorntag [ Reviews – Fotos e vídeos ]

John Zorn - oers Festival 2013

Foto:  WAZ Germany

patton_ trevor dunn

Moers Festival Photo copyright by Patrick Essex

The Song Project – “Dalquiel” Live from the Moers Festival, 17 May, 2013
Music by John Zorn -Lyrics by Sean Lennon
John Zorn: conductor (Mike Patton: voice,Sofia Rei: voice,Marc Ribot: guitar,John Medeski: piano.Trevor Dunn: bass.Kenny Wollesen: vibes Cyro Baptista: percussion,Joey Baron: drums

Review by Karen Klien para  Waz.de  AQUI  Tradução Auto–  Original 

Fotos da Apresentação/ More Photo  AQUI

John Zorn e Trio Masada finaliza suas apresentações na Sul américa

No último sábado, (17) John Zorn e Trio Masada, finalizou suas apresentações pela América do Sul em São Paulo, mas precisamente no Cine Joia, com show de aproximadamente 1h15 de duração. A interação de Zorn com o Trio, a magia do Cine joia e uma execução de som perfeita, de uma apresentação musical virtuosa, teve os seus desajustes que, afortunadamente não passaram de desajustes e a apresentação fluiu aparentemente deixando o público muito satisfeito.

O Cine Joia é um espaço tão acolhedor que talvez lhe dê vontade de ficar um bom tempo por lá. Chegar antecipadamente em seus eventos, não lhe deixará cansado ou estafado. É uma casa charmosa e com uma equipe que lhe atende com bom humor, precisão nas informações e quando não pode ajudar, vão por elas e não lhe deixa perdido ou sem resposta.

Momentos antes da apresentação

O Quarteto tem uma sintonia de irmãos de sangue, se comunicam com olhares que são traduzidos ao pé da letra pelos demais. No início do Show, um aviso sonoro explicou que devido a uma solicitação do músico, o bar inferior ficaria fechado durante a apresentação, certamente no intuito de evitar ruídos que pudessem comprometer o resultado. No entanto, o bar superior da casa se manteve aberto e pela liberdade de movimento no espaço, algum barulho foi inevitável, porém nada que comprometesse o resultado.

Em alguns momentos, Zorn se mostrou incomodado com alguns presentes que insistiram em fotos e filmagens. Chegou a lançar uma aviso direcionado a um espectador que fotografava à frente do palco. Na sequência , Zorn se irritou e lançou uma cusparada em um dos presentes que dava a impressão de filmar continuamente a apresentação.

Talvez o ponto negativo desse todo, tenha sido que a casa por mais perfeita que seja, não combine com uma apresentação de Jazz ao estilo do quarteto, que impôs exigências um pouco extremas, para tempos onde câmeras fotográficas estão acopladas á diversos dispositivos . A ausência de poltronas deixou o público mais livre e propenso a se expressar. Mas, quem dita as regras de uma apresentação ao vivo? O espaço onde é executado? Um fã ? Um estilo musical? Ou o astro da noite?

Opinião da autor: É fato que: uma cusparada, não seja agradável de se levar e tão pouco justifique a falta de sensibilidade, vulgo semancol de algumas pessoas em insistir em contrariar e, ou até incomodar o artista. Zorn é exigente e parecia não estar em um de seus melhores dias. Talvez, jamais iremos saber o motivo exato. Mas, a situação e irritação foi clara. Portanto sem extremos.

O blog estava autorizado previamente pela assessoria de imprensa para fotografar, com algumas restrições. Logo tivemos a informação de que não seria possível realizar as fotos. Mas, vendo o tamanho das objetivas disparando flash´s sem nenhum constrangimento, posicionei-me em uma lateral, diminui o grau de disparo de luz e fiz algumas fotos, que devido não à posição, mas o cuidado em fotografar, nem se quer fomos notados. Fico com o exemplo de um ótimo show, de uma ótima casa e de que pessoas são diferentes, embora apreciem ou se interessem em conhecer um estilo musical distinto. Sua roupa, cabelo ou grau de instrução e aquisição financeira nem sempre irá definir seus gostos musicais

John Zorn e Masada dão a largada rumo aos shows na Sulamérica

Hoje se iniciam as Apresentações  de John Zorn e Trio Masada. A Turnê  se inicia hoje, (13) com a sua abertura em Quito, Equador passando por Santiago,Buenos Aires  e com duas Apresentações no Brasil. A Primeira no dia 16, no Espaço Tom Jobim no RJ e finaliza as apresentações  em São Paulo no Cine Jóia, no próximo sábado(17).

Foto de  David Douglas

Site  Oficial David Douglas Greenleaf Music

Você ainda pode encontrar ingressos  para os shows no RJ e SP que acontecerão nos dias 16 e 17 no Brasil mais informações AQUI

Em comemoração ao inicio da Turnê deixamos o Áudio para download do show

 Zorn – Jazz in Marciac – Live 2010 (Full Show).mp3 

Saiba mais sobre a Casa que trará John Zorn à São Paulo

Cine Joia década de 60

O  Cine Joia, que receberá em seu palco John Zorn no próximo (17), está localizado no famoso bairro oriental de São Paulo . O Bairro da Liberdade que já foi palco de grandes lutas na história da capital. O nome Liberdade vem dos tempos da abolição dos escravos. Hoje, a Liberdade é um dos bairros de  maior atração turística da capital, com suas ruas enfeitadas e coloridas, seu comércio diversificado e sua beleza focada na cultura japonesa.  Praticamente ao lado das Praças Dr. João Mendes e Sé (Marco zero da Capital), hospeda a Catedral da Sé, amplo comércio, além do Forúm João Mendes entre outros orgãos do estado.

A Casa em sua Reinauguração em Nov.2011

Continuar lendo

John Zorn é confirmado no Rio de Janeiro

Zorn confirmado para o dia 16 de Março Tom Jobim

                    Após dias de espera e incerteza John Zorn & Trio Masada foi confirmado pelo Cine Jóia com apresentação marcada para o dia 17 de Março. Mas ainda restava dúvidas e ausência de informações sobre o a suposta segunda apresentação no Brasil, aguardada no Rio de Janeiro. Hoje no final da tarde, recebemos a confirmação da segunda apresentação que acontecerá no dia 16 de março no Espaço Tom Jobim.

 

Seguem os detalhes da apresentação ( Fonte Evento Facebook )

John Zorn – sax alto
Greg Cohen – contrabaixo
Dave Douglas – trompete
Joey Baron – bateria

16/03 – sexta-feira
Abertura dos portões: 21:00
Início do show: 22:00 (Pontualmente!)

Um dos maiores saxofonistas vivos, ícone total do avant-garde, John Zorn vem pela primeira vez ao Brasil com lendário quarteto Masada (com sua formação completa).

O Masada foi criado em 1993 e marcou um novo momento na carreira de Zorn como compositor. Em busca da uma “nova música judaica”, ele mescla klezmer, free-jazz e surf music.

As vendas começam em 17/02 (a partir das 15:00) no site www.ingresso.com.br e na bilheteria do Espaço Tom Jobim (telefone: 2274-7012). [A bilheteria reabrirá na quarta-feira de cinzas, funcionando normalmente]

Ingressos: (SERÁ ACEITO 1kg de ALIMENTO não perecível como forma de desconto para MEIA ENTRADA)

Platéia:

-1º Lote (Até dia 05/03)

R$ 100 meia/ R$ 200

-2º Lote (Até dia 15/03)

R$ 120 meia / R$ 240

-3º Lote (no próprio dia)

R$ 150 meia/ R$ 300

Balcão Superior (ingressos sem marcação)

R$ 70 meia/ R$ 140

Diferente do Show em São Paulo, no Rio de Janeiro há as opções de meia entrada desde o primeiro lote.
Para entrar em contato com o Espaço Tom Jobim o telefone

Rua Jardim Botânico, 1.008, Jardim Botânico, Rio de Janeiro – RJ
Fone: (21) 2274-7012